Nesta segunda-feira (20), Tony Ramos decidiu comentar sobre o futuro de sua relação com a JBS, empresa dona da marca da Friboi, que está sendo investigada pela Polícia Federal por vender produtos supostamente irregulares.

O global defendeu a ação da PF e disse estar esperando uma definição da Justiça sobre o caso: “Vamos aguardar a manifestação de Ministério Público. Tudo comprovado, está tudo certo, foi pontual? Poderei vir a público, sim, esclarecer. Se alguma coisa desabone essa relação, eu tenho direito de interromper o contrato. Eu preciso contratualmente dar esse tempo. Vou dar um tempo legal”, disparou.

“Evidente que eu recebi (dinheiro pelos anúncios). Eu não sou hipócrita, sou um profissional da comunicação. Quantos companheiros já não anunciaram prédios de construtoras que faliram, coitados. Eles não tinham culpa. É uma relação muito delicada essa da propaganda. Eu não precisaria de fazer propaganda para sobreviver, graças ao bom Deus”, finalizou.

Comentários

Comentarios

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here